01
Jan 09
publicado por Paulo Jerónimo, às 16:56link do post | comentar

in Região de Leiria

foto de arquivo Blogue ADP

Parece ser uma caminhada vitoriosa até ao final do campeonato. O Portomosense é o campeão de Inverno da divisão de Honra distrital. A formação de Rui Bandeira lidera a prova com 33 pontos, mais sete que o segundo classificado, o Marrazes, que soma apenas 26 e com oito de avanço sobre o conjunto que ocupa a terceira posição, o Alcobaça.

A equipa de Porto de Mós ainda não perdeu no campeonato. Em 13 jogos realizados, venceu dez e empatou três. Curiosamente, os empates aconteceram no reduto do Portomosense, frente a Guiense, Alcobaça

e Pilado.
O conjunto de Rui Bandeira tem também o melhor ataque e a defesa menos batida da prova. Os jogadores de Porto de Mós marcaram por 30 vezes, o que corresponde a uma média de 2,7 golos por jogo, e o guarda-redes apenas foi batido por cinco ocasiões – constitui uma média de 0,39 golos sofridos por encontro.
Se o Portomosense é o líder com um registo quase sem mácula, o Marrazes é a equipa com a série de vitórias mais longa. O conjunto do concelho de Leiria esteve sete jornadas consecutivas a vencer, enquanto o líder apenas conseguiu, até agora, estar quatro encontros a somar triunfos.
O Marrazes é também detentor da segunda melhor defesa da prova, com dez golos sofridos (0,77) por jogo. No entanto, tem um dos ataques com resultados mais modestos. Em 13 partidas apenas marcou por 15 ocasiões, o que perfaz 1,15 tentos por encontro.

Alqueidão invencível em casa. Com 27 golos marcados (2,07), o Alcobaça é o ataque com a segunda melhor produção no campeonato. A equipa treinada por Gonçalo Raimundo é também a dona, a par com o Nazarenos, da maior goleada registada no campeonato, ao marcar por seis vezes ao Pilado.
Alqueidão da Serra e Portomosense são as duas equipas que se mantêm invencíveis em casa. Mas fora do seu terreno, apenas o conjunto de Porto de Mós continua sem qualquer derrota.
Pataiense e Guiense são, até ao momento, as grandes desilusões da prova. A formação de Pataias, que estava entre os candidatos à subida de divisão, esteve cinco jornadas consecutivas a perder e ocupa apenas o nono lugar, com 16 pontos. Já o Guiense é oitavo classificado, com 17 pontos.
Ao todo marcaram-se 278 golos nos 208 jogos disputados. O empate a uma bola foi o resultado que mais se verificou, tendo acontecido por 12 vezes, seguiram-se o 1-0 e o 0-1 (dez vezes cada) e o 1-2 (dez vezes).
Pimenta (Alq. Serra), com 12 golos, Nuno Coelho (Alcobaça), com dez, e Jackson (Portomosense), com nove, são os melhores marcadores da prova.


pesquisar
 
arquivos
2019:

 J F M A M J J A S O N D


2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


2003:

 J F M A M J J A S O N D


2002:

 J F M A M J J A S O N D


2001:

 J F M A M J J A S O N D


2000:

 J F M A M J J A S O N D


subscrever feeds
blogs SAPO